Um Desafio E Tanto, Certo?

12 Feb 2018 09:14
Tags

Back to list of posts

Os exemplares da criação Z, também famosos como "nativos digitais", neste momento nasceram de celular na mão e cresceram num mundo conectado. Chegando às faculdades de imediato, eles serão o centro das atenções do futuro do e-commerce. Até 2026, os mais novos desta criação neste instante terão atingido a idade para ter renda própria e teu poder aquisitivo e atingirá novos patamares. E, é claro, marcas e e-commerces precisam começar um relacionamento com essa geração para aumentar tuas chances de sucesso nos anos vindouros.A Formação Z, determinada por quem nasceu de 1998 até 2010, é contrário das gerações passadas. Justamente assim, assimilar suas características e preferências é essencial para capturar sua atenção - e, claro, teu dinheiro. Eles cresceram acostumados a utilizar a Web e é a primeira formação inteiramente digital. Isto é tão enraizado em sua cultura que eles só percebem que a web existe quando o wi-fi não está acessível.Antenados à tecnologia, são usuários assíduos das mídias sociais, consomem diariamente filmes on-demand, e tudo começa pelo celular. Claramente, suas expectativas são mais altas que as das gerações passadas. De acordo com relatório da BI Intelligence - que explorou os hábitos de compras da Geração Z - os chamados nativos digitais estão só iniciando a impactar o comércio, contudo já são bastante valiosos.Ademais, eles sugestionam noventa e três por cento do planejamento financeiro da família. Apesar desta criação ainda comprar em lojas físicas, isto se tem que bem mais ao fato de ainda não terem cartão de crédito do que a uma preferência em si. Até que o ecommerce se torne o principal canal de compras dessa formação - quando atingirem a maioridade - o comércio enfrentará o desafio de desenvolver uma presença digital sólida usando, de forma especial, os canais preferidos nesse público: as redes sociais. Essa é a primeira geração a viver uma existência onde a Web é onipresente a partir do mobile, e isto moldou seus hábitos de compras. Pros nativos dessa era, a distância de uma loja para a outra é zero e eles compram no universo inteiro. Seus hábitos de compra em e-commerces bem como começaram mais cedo que a formação passada.Justamente desta forma, eles têm a jeito de serem altamente sofisticados em tuas decisões de compras. Os nativos digitais querem se classificar com marcas e organizações de modo integrada, não importando o canal. Isso significa ser atendido e poder obter de uma mesma marca a partir do Instagram, Facebook ou e-commerce, com uma experiência fluída independente do canal.Desmarque a opção O servidor de saída requer SSLPasso um - Vá para o site oficial do Hotmail Brasil clicando neste hiperlinkUse aspas pra juntar citaçõesA opção "Fazer logon usando autenticação de senha de segurança" não necessita estar marcadais?nxjAsAuY3w6zfEfrn66OKFCODDbEVLU6ud3HciB3a80&height=227 Quando o tema é mídias sociais, os nativos digitais dão um show. Eles cresceram olhando e utilizando esses canais: em moradia, na avenida, pela escola e nos espaços públicos. E, claro, imediatamente são acostumados a procurar tudo pelas redes. Muitos perguntam onde encontrar certos serviços e produtos nas redes sociais antes mesmo de buscar no Google.Fazem uso a inteligência coletiva pra tuas alternativas e se baseiam em ação social. A Formação Z chegou e está pronta pra deixar suas pegadas no mercado. Ela está começando a sua vida financeira e é mais focada em ter dinheiro que as gerações passadas. Segundo a base de usuários do Facebook, levando em conta pessoas de treze a 22 anos de idade no Brasil, já são trinta e três milhões de brasileiros ativos pela mídia social. Os mais novos se localizam em peso no Instagram e Snapchat.Segundo detalhes do IBGE, eles representam cerca de vinte e três por cento da população brasileira, e, de acordo com a Fast Company, até 2020 eles representarão 40 por cento de todos os compradores no mundo. DETALHE: estamos somente a vinte e quatro meses de 2020! O mesmo estudo da Fast Company mostra assim como que pra Formação Z, da socialização ao entretenimento, do aprendizado até a compra, tudo se passa pelo mobile. Una isto às tuas altas expectativas de compra virtual e temos um episódio letal para web sites lentos, não responsivos, aplicativos pesados e/ou difíceis de navegar. Para desfrutar a entrada da Formação Z e seu poder crescente de compra, sua marca precisará reflexionar, a toda a hora, em alternativas pra mobile e, só depois, pra desktop. E, quando a pergunta é a busca no Google, lembre-se que o novo costume dessa criação são os assistentes virtuais.Segundo a GlobalWebIndex, um a cada três pessoas da Geração Z está utilizando uma procura por voz em seu celular. Pra o ecommerce, isso determina o estímulo de implementar estratégias cada vez mais assertivas de otimização pra mecanismos de busca. Investir em S.e.o., elaborar snippets para o Google e apresentar-se pela posição "0" necessita estar entre os objetivos de quem quer ganhar destaque.

Comments: 0

Add a New Comment

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License